“A lua é o imenso relicário do céu, onde Deus todas as noites delicadamente nina a luz do dia.” (Lu Tostes)

domingo, 31 de julho de 2011

Transposição



   Se me falta o chão,
   delicadamente flutuo
   sobre cada vão.


   Não percebo o profundo
   escuro do mundo,
   porque meus olhos 
   estão sempre voltados 
   para o azul do céu.


   Lu Tostes
    





 Imagem: www.weheartit.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário