“A lua é o imenso relicário do céu, onde Deus todas as noites delicadamente nina a luz do dia.” (Lu Tostes)

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Em tarde ser



  Minh'alma verde
   dança no topo 
   das árvores
   a canção laranja.

   Sabe-se sol
   até que repouse 
   na escuridão
   do silêncio azul.

   Lu Tostes



   Imagem: www.deviantart.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário