“A lua é o imenso relicário do céu, onde Deus todas as noites delicadamente nina a luz do dia.” (Lu Tostes)

terça-feira, 26 de abril de 2011

Dança de outono

(Para Dani)


O vento 
buliçoso de abril,
quis apropriar-se
dos tons da primavera.

Balançou a saia florida
e carregou todas as cores
da doce menina 
de alma leve.

Expandiu furtivamente
cada uma delas...
enquanto a bela
sorria sua poesia.
   
Lu Tostes







Imagem: www.weheartit.com

4 comentários:

  1. .

    Lu, minha querida!

    Esse cantinho está cada vez mais encantado.
    Amei a 'Dança de outono', embora, o poema tenha sido feito para sua amiga Dani, me lembrou uma amiga querida, a Vanessa Leonardi. Se você me autorizar, estarei 'roubando' (sem te tirar os créditos, claro!), para passar para a Van.

    Ficou a curiosidade para conhecer a moça que sorrir poesia.

    Beijos para as moças que são poesias. (Lu e Dani)


    Meu sempre carinho ♥


    .
    .

    ResponderExcluir
  2. Que lindo querida.
    Adorei teu blog... Estarei sempre por aqui...


    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Amiga, eu jurava que tinha deixado um comentário...acho que foi a emoção deste presente de aniversário!
    A cada dia mais orgulhosa de você, viu?
    Suzi...eu sou a Dani, mas a poesia está é nos olhos desta moça aqui e por isso me vê assim.
    Beijos

    ResponderExcluir